João Galamba acusa Sexta às 9 de mentir e Sandra Felgueiras já respondeu – Sol

O arranque da nova ‘temporada’ do programa Sexta às 9 na RTP só aconteceu um mês depois do que estava inicialmente previsto, não tendo havido transmissão durante a campanha eleitoral que antecedeu as eleições legislativas. Mas nem por isso, ou talvez sobretudo por isso, a sua estreia ontem não fez esquecer a polémica em torno do programa nos últimos tempos, quanto muito adensou-a.

Não tivesse este sábado João Galamba – que assumia o cargo de secretário de Estado da Energia no Governo de António Costa, cuja legislatura acabou agora com as eleições do passado domingo – publicado um longo texto com várias e graves acusações ao programa da estação pública, tendo como pano de fundo um dos temas que Sandra Felgueiras abordou ontem, novamente, a prospeção de lítio pela Lusorecursos em Montalegre.

“O programa Sexta à Nove tem-se dedicado à desinformação sobre a concessão mineira atribuída à empresa Lusorecursos. Foi várias vezes explicado ao Sexta à Nove o enquadramento legal aplicável, mas teimam em não aceitar a explicação e, mais grave, teimam em ignorar” a lei, escreveu João Galamba, este sábado – um dia após a estreia do programa. E acrescentou: “Ao contrário do que alega o Sexta às Nove, não há aqui qualquer irregularidade ou anormalidade administrativa”.

Mas o socialista não ficou por aqui e continuou as críticas ao programa da RTP. “O Sexta às 9 alimenta mentiras. Ao contrário do que diz na sua peça, a verdade é que a concessão de lítio em Montalegre foi garantida a partir do momento em que o anterior governo (PSD-CDS), atribuiu direitos à empresa”.

Galamba vai mais longe e acusa mesmo o programa de enganar os telespetadores de forma calculada e premeditada. “O Sexta às 9 mente. Apesar deste gabinete ter enviado por diversas vezes, respostas com explicações sobre o que diz a lei sobre a atribuição da concessão em causa, o Sexta às 9 insiste em não colocar a resposta dada, optando por continuar a enganar os espetadores”.

Para o socialista, “a lei é clara, ao dizer que quem tem direito de prospeção e pesquisa tem o direito de pedir a concessão, desde que cumpra os requisitos legais – o que é o caso concreto”.

A longa publicação de João Galamba não passou despercebida à apresentadora do programa, Sandra Felgueiras, que respondeu ao socialista nos comentários ao post do Facebook.

“Caro João Galamba, nenhum político nem servidor público está acima do escrutínio. A sua resposta é o reflexo pleno do total alheamento dos factos que pretende fazer desde o início”, começou por escrever.
“Atacar a solidez das nossas dúvidas é atacar neste momento o Ministério Público que abriu um inquérito-crime, sublinhou.

“Não posso tolerar que acuse o Sexta às 9 de mentir quando tudo o que revelamos são factos! Comprovados com prova testemunhal e documental e ainda mais sustentados na entrevista do Dr. Jorge Costa Oliveira.
Compreenda o nosso trabalho. Porque ele é sério. Como sério espero que seja o seu”, concluiu a jornalista.

Share:

Geef een reactie

Het e-mailadres wordt niet gepubliceerd. Vereiste velden zijn gemarkeerd met *