Marchesín revela nomes dos dois guarda-redes que tenta copiar – O Jogo

Federico del Rio

Tópicos

Indiscutível no FC Porto, o guarda-redes começa a cimentar estatuto na seleção da Argentina.

Agustín Marchesín vai ganhando mais e mais estatuto na seleção argentina. Titular frente à Alemanha em jogo de preparação, o guarda-redes do FC Porto falou ao canal TyC Sports e traçou objetivos a curto prazo com a camisola da alviceleste. A luta pelo lugar está apertada.

“Na Argentina há muitos guarda-redes de primeiro nível e é uma alegria poder competir pela baliza. Desfruto muito de jogar na Europa, mas também de estar na Seleção”, comentou.

As referências de “Marche” são da Alemanha, precisamente o adversário contra quem brilhou. “Messi é o melhor do mundo. Mas na baliza, Ter Stegen e Neuer são dois dos melhores do mundo. Admiro-os muito e tento copiar algumas coisas que fazem, como sair da baliza e jogar com os pés, para poder crescer”, referiu.

“Tenho muitas coisas para continuar a crescer e melhorar. Estaria mal se achasse que, por jogar no FC Porto, não tenho nada a melhorar”, sorriu, antes de terminar a entrevista.

Share:

Geef een reactie

Het e-mailadres wordt niet gepubliceerd. Vereiste velden zijn gemarkeerd met *